Rei D. Afonso V
Este Rei de Portugal (entre 1438 e 1481) nasceu em Sintra. É verdade! D. Afonso V nasceu em 1432, era filho de D. Duarte e D. Leonor de Aragão e ficou conhecido como "O Africano", pois fez conquistas no Norte de África. Mas também continuou o trabalho dos Descobrimentos mantendo a confiança no seu tio D. Henrique, o grande impulsionador das viagens marítimas portuguesas! Este neto de outro rei muito ligado a Sintra, D. João I, acabou por falecer na sua terra natal, em 1481.
Outras informações importantes:

Sabias que...

... D. Afonso V sucedeu ao seu pai, como rei, com apenas 6 anos?
Sabias que
Rei D. Afonso V
Para os meus pais e professores
lerem comigo

Informações do sítio na web da Câmara Municipal de Sintra:

"D. Afonso V nasceu no Palácio sintrense, em 1432, onde muitas vezes se fixou a corte e lançou o destino da conquista e descoberta africanas. Na epopeia participaram alguns sintrenses, nomeadamente, Gonçalo de Sintra, que explorou o Rio do Ouro e foi morto na angra que hoje leva o seu nome, Soeiro da Costa e Pedro de Sintra que exploraram a costa ocidental de África, do Rio Grande ao Cabo Mesurado, tendo sido, este último, capitão da armada que fundou a fortaleza de São Jorge da Mina, em 1481. E, ainda, Diogo Gomes, outro navegador que desconhecendo-se a sua naturalidade, se manteve arreigado a Sintra, onde adquiriu umas terras que constituíram a génese da Quinta do Ramalhão e desempenhou as funções de «almoxarife d-el rei», até cerca de 1480.

Cada vez mais à sombra do Palácio, a Vila - bafejada pelos numerosos privilégios e isenções que a coroa lhe ia concedendo - aperaltou-se em luxo desusado, como seja por volta de 1460, a construção em frente ao alpendre do mercado, nas imediações da Igreja de São Martinho, e entalada entre a casa da vereação e a cadeia comarcã, de imponente relógio de torre que, nas palavras de Sérgio Luís de Carvalho, era «mais um fetiche, um luxo urbano, que um instrumento útil para aqueles rústicos que mediam o fulgor dos seus dias e o silêncio das suas noites pelo sol e pela lua; e o passar dos meses pelas estações e feriados santos».

Em 1481, Afonso V, morreu no Palácio que o vira nascer".
 
Se encontrares algum erro nesta página ou se tiveres mais alguma informação, contacta-nos.
Também podes contribuir com a tua criatividade: envia-nos os teus textos e/ou ilustrações! Vê como aqui.